Flavio J. Monteiro – Percussionista
Flávio é um percussionista autodidata acostumado desde jovem a ouvir muita música brasileira, africana, eletrônica e traz para o palco essa mistura de ritmos, beats e sons diferentes, o que resulta em um caldeirão percussivo bastante original.
Desde menino a sua intuição lhe impulsionara para as primeiras batucadas em mesas escolares e objetos que lhe sugerissem a tirada de algum som. Já adulto, seu caminho não poderia ser diferente e iniciou suas vivências com os tambores .
Em 1992, morando em Curitiba , tocou no já extinto London Pub, que na época era o “point” no Largo da Ordem, Centro da cidade. Em 2004, de volta ao Rio, tocou na Banda Rio Babilônia e participou de shows realizados no Canecão, Circo Voador, clubes casas noturnas como o Santo Scenárium, na Lapa, na Barra da Tijuca e outros bairros.  Em 2005 deu início ao projeto Reciclagem e Percussão, criou sua própria marca (CASA DO TAMBOR PERCUSSÃO), onde difunde e comercializa seu trabalho de construção artesanal de instrumentos para  feiras de artes e cultura, logistas e  varejo.
Com bastante vivência em eventos, Flavio ministra seus próprios projetos para oficinas de construção de instrumentos de percussão feitos com material reciclável, destinadas a adultos e crianças, além de oficinas de musicalização e vivências rítmicas, tanto no âmbito educativo quanto corporativo.
Seu parceiros principais são: Secretaria de Educação e Cultura, Sesc, Sesi e Oficina Social ( empresa de Niterói) atuando nas regiões Serrana e dos Lagos (RJ).
Em 2008 realizou projeto na escola de samba do Salgueiro que tinha como padrinho e incentivador o bailarino e coreógrafo Carlinhos de Jesus. Participou de projetos especiais como o Estudando o Som, criado por Marcelo Yuka e DJ MAM, realizado no SESC Copacabana e tendo como convidados especiais Rita Ribeiro (Tecnomacumba) , Carlos Malta e Robertinho Silva baterista e percussionista renomado internacionalmente. Robertinho Silva é amigo e incentivador do projeto e usa os instrumentos criados por Flávio em seus shows .
Em 2012 Flavio iniciou na banda de Charles Teony, que apresenta um repertório original mesclando o sotaque pernambucano, nordestino com temas afro-brasileiros , recursos da musica eletrônica e muita percussão. Criou os Tambores Iluminados, que abriram o show do Batucadas Brasileiras, que na época tinha como mestre o Robertinho Silva. Reinventou os tambores africanos TAMA e Djembê construindo-os com materiais alternativos. Criou uma linha de tambores infantis , muito coloridos, sonoros, leves e que fazem o maior sucesso nas mãos do público infanto-juvenil.
Flavio Monteiro é criativo, inovador e ousado, características que o fazem um percussionista agregador e um importante aliado em projetos e eventos culturais.
 

Seja bem-vindo, envie um email para percussao@casadotamborpercussao.com.br e solicite mais informaçoes sobre oficinas, projetos e instrumentos.

  Site Map